24 julho 2017

[Resenha] Bom dia Vêronica (Andrea Killmore)

Titulo: Bom dia Verônica
Autor(a): Andrea Killmore
Numero de páginas: 256
Ano de publicação: 2016
Gênero: Suspense/mistério
Editora: DarkSide Books
SINOPSE: Em "Bom dia, Verônica", acompanhamos a secretária da polícia Verônica Torres, que, na mesma semana, presencia de forma chocante o suicídio de uma jovem e recebe uma ligação anônima de uma mulher desesperada clamando por sua vida. Com sua habilidade e sua determinação, ela vê a oportunidade que sempre quis para mostrar sua competência investigativa e decide mergulhar sozinha nos dois casos. No entanto, essas investigações teoricamente simples se tornam verdadeiros redemoinhos e colocam Verônica diante do lado mais sombrio do homem, em que um mundo perverso e irreal precisa ser confrontado. 
Andrea Killmore compõe thrillers como os grandes mestres, e sua experiência de vida confere uma autenticidade que poucas vezes encontramos em suspenses policiais, vibrante e cruel — como a realidade.

18 julho 2017

Book tag : Pefil literário


Heeey Guys !!!! Primeiramente gostaria de pedir desculpas por não estar postando videos,era para esta tag ter saido lá no canal também,mas vida corrida é dificil,então me perdoem! rs
Vi essa tag lá no blog da Ju Sutti livros e blablabla.

1. Qual seu estilo de livro favorito?
Pergunta dificil,eu sou o tipo de pessoa que lê até bula de rémedio! Mas eu a-do-ro um thriller,ou um terrorzinho básico

2. Qual sua saga/trilogia favorita?
Harry Potter,sem dúvidas

3. Qual livro você demorou mais para ler?
O morro dos ventos uivantes. Porque não consegui sentir todo aquele amor por ele,como outras pessoas tem,mas queria ler até o final para entender o motivo de tanto sucesso. Demorei 2 meses para terminar de ler .

4. Qual livro você está lendo?
Bom dia verônica de Andrea Killmore pela Darkise Books,tô adorando querem resenha? 

5. Quantos livros você tem na sua estante do skoob?
266 

6. Qual o livro mais antigo da sua estante?
Para sempre da série os Imortais de Allyson Noel 

7. Qual o próximo livro que você pretende comprar?
A garota Corvo. Ainda não vi nenhuma resenha dele,mas me apaixonei pela capa e já quero 

8. Um livro que fez você mudar o sentido de ver o mundo.
A menina feita de espinhos. Me marcou muito e me fez ver que devemos nos aceitar do jeito que somos. Idenpendente de qualquer coisa que falem pra gente,ou que nos chame. Nós somos muito mai,que um corpo,dentro de nós há um coração,há um ser humano capaz de muitas coisas maravilhosas.

9. Qual livro se você pudesse proibiria a leitura dele?
Ual que pergunta dificil... Não proibiria ninguém de ler,mas não indicaria o livro 3096 dias da Natasha Kampush para qualquer um,porque foi um dos livros "mais pesado" que já li.

10. Qual livro você levaria para uma ilha deserta?
Entre o agora e o nunca de  J. A Redmerski pela Suma de Letras. Eu me apaixonei muito pelo casal do livro,e sou doida para rele-lo !!

É isso,eu espero que vocês gostem e se sintam a vontade para responder também !
bjs !!!

13 julho 2017

[Dica de filme] O Espaço entre nós

FOTO: Divulgação/Netflix

SINOPSE: 
A aventura interplanetáriaO Espaço Entre Nós conta a história de Gardner Elliot ( Asa Butterfield), um menino curioso e altamente inteligente, nascido e criado em Marte. Sua mãe descobriu a gravidez após decolar no ônibus espacial que carregava a missão de colonizar o planeta vermelho, e morreu por complicações no parto sem nunca ter revelado o nome do pai.
Convivendo com apenas 14 pessoas nos primeiros 16 anos de vida, o jovem astronauta recebeu uma educação restrita e pouco convencional, que alimentou uma enorme vontade de conhecer o seu pai biológico. Mas com a ajuda de Tulsa ( Britt Robertson ) ,uma garota do Colorado, USA, que se torna uma grande amiga virtual, Gardner consegue criar forças para descobrir a qual lugar do universo pertence.
Quando finalmente tem a chance de viajar para a Terra e conhecer sobre tudo o que leu enquanto esteve no espaço, Gardner descobre que seus órgãos não resistem à atmosfera do planeta. Ansioso para encontrar seu pai, o garoto escapa da equipe de cientistas que o cuidaram desde o nascimento e junto com Tulsa embarca em uma inesquecível corrida contra o tempo.
Foto: Netflix (Divulgação)
Hey Guys!! primeiramente gostaria de dizer que tô bem feliz em trazer esta dica para vocês, porque apesar deste filme não ser uma grande produção, é um filme que une dois gêneros que eu adoro: ficção cientifica e romance. Para alguns essa mistura foi uma "falha" porque não se aprofundaram mais na ficção cientifica, mas para mim a trama foi bem elaborada e cumpriu o que prometeu: Um romance a lá Sessão da tarde, daqueles que todo mundo adora. Talvez tenham errado por categorizar o filme como ficção cientifica e deixando assim a galera com expectativa de encontrar um sci-fi mega elaborado.
O filme mostra o  romance entre  Gadner (Asa Butterfield) e Tulsa, (Britt Robertson). Já no inicio do filme vemos a mãe de Gadner indo para uma missão para povoar marte, e logo depois descobrindo que está gravida e que terá que ter o bebê por lá mesmo. Ela acaba morrendo no parto e o filme já pula para 16 anos depois com Gadner já adolescente, tendo apenas alguns cientistas, um robô que ele ajudou a criar e Tulsa (unica pessoa que ele conhece na terra), como amigos.
Logo depois ele tem a chance de vir pra terra, porém com o corpo dele não esta acostumado ele tem que passar por uma quarentena. Sem certeza de que poderá sair, Gadner foge para encontrar Tulsa e tentar conhecer o seu pai, assim embarcando em uma aventura fugindo dos cientistas e conhecendo tudo do mundo que ele não conhecia. 
Tulsa é uma adolescente, que também cresceu sem os pais e passou a vida em varias casas de famílias diferente. Ao longo do filme vamos vendo o crescimento da amizade e o amor entre eles. 
Como eu disse acima apesar do gênero recomendo que assistam sem esperar grandes cenas de ação e etc. É mais um romance para nos fazer suspirar, e o melhor de tudo é que o filme não nos mostra apenas o amor de casal - E sim o amor de família, de amigos, nos mostra o valor que as pessoas tem em nossa vida. 
Curiosidades :   O roteiro do filme é de Allan Loeb, de “Quebrando a Banca” e de Stewart Schill que trabalhou como editor de séries famosas como “Dexter” e “American Horror Story”.
Britt Robertson já estrelou em Tomorrowland (2015), que também apresenta uma trama futurista e que envolve aventuras "ilegais".

Gostou ? Então já pega a pipoca porque este filme já está disponível na netflix !
E se você já assistiu também me conta o que achou e se gostou!

Até mais !!

11 julho 2017

[Resenha] Filha da Floresta - Juliet Marillier


Trilogia Sevenwaters Livro #1

Titulo: Filha da floresta
Autor(a): Juliet Marillier

Ano: 2012 

Páginas: 608
Editora: Butterfly 
SINOPSE: O domínio de Sevenwaters é um lugar remoto, estranho, guardado e preservado por homens silenciosos e criaturas encantadas, além dos sábios druidas, que deslizam pelos bosques vestidos com seus longos mantos... Passada no crepúsculo celta da velha Irlanda, quando o mito era lei e a magia uma força da natureza, esta é a história de Sorcha, a sétima filha de um sétimo filho, o soturno Lorde Colum, e dos seus seis amados irmãos, vítimas de uma terrível maldição que somente Sorcha é capaz de quebrar. Em sua difícil tarefa, imposta pelos Seres da Floresta, a jovem se vê dividida entre o dever, que significa a quebra do encantamento que aprisiona seus irmãos, e um amor cada vez mais forte, e proibido, pelo guerreiro que lhe prometeu proteção.





Oi pessoal, como vocês estão? Hoje vim falar com vocês sobre o livro Filha da floresta,de Juliet Marillier.
Sorcha é a sétima filha,do sétimo filho,sim,ela deveria ter nascido homem mas isso não aconteceu e a mãe dela acabou morrendo no seu nascimento. Sorcha cresceu sendo "criada" pelos irmãos já que seu pai Lorde Colum, passou a viver em campanha e em batalhas desde o seu nascimento. Depois da morte de sua amada esposa Lorde Colum, passou a ser frio, e distante dos filhos. Sorcha apesar de ser a unica mulher da família, era uma extremamente forte e inteligente. Aprendeu até a ler, diferente de muitas mulheres, que só aprendiam a costurar e entre outras coisas. Até que um belo dia seu pai volta de uma campanha com uma mulher chamada Lady Oonagh, e a partir dai Sorcha e os irmãos sentem que esta mulher não é normal, e coisas estranhas começam a acontecer. Lorde Colum, então se casa com esta mulher, e depois de um tempo ela joga uma maldição nos seis irmãos de Sorcha, tornando todos eles em patos. Sorcha consegue fugir, e a dama da floresta dá a ela então a missão de salvar seus irmãos. Para isso ela irá precisar costurar seis camisetas (um para cada irmão) com uma planta cheia de espinhos chamada Estrela d'água. E que machucará muito as mãos dela, mas se ela quiser salvar seus irmãos assim teria que ser, terá também que fazer tudo em silêncio, pois durante este tempo em que ela estiver costurando as camisas, ela não poderá dar um sussurro sequer.  Mas não será nada fácil. Para cumprir sua árdua tarefa, Sorcha passa a morar escondida na floresta apenas com sua cachorrinha, para se esconder de Lady Oonagh, passando por dificuldades terríveis.
"Por que devo me modificar só para agradar a um homem? Se ele não gostar de mim como sou, que procure outra pessoa para se casar."
Apesar de tudo eu não consegui confiar nos seres da floresta, muitas vezes me pareceu que Sorcha estava realmente sozinha sem ninguém para zelar por ela.
"Uma vez que alguém escolhe seu destino,não há retorno."
Em meio a tudo isso Sorcha conhece Red, Lorde de um povoado inimigo, que ela acredita estar enfeitiçado pelos seres da floresta para protege-la enquanto cumpri sua missão.

Minha opinião final sobre o livro: Eu confesso que ainda estou presa em Sevenwater, apaixonada por este livro, que não fala só sobre magia, mas sim sobre amor, sobre amizade, sobre espera e paciência. É um daqueles livros pra se apaixonar.
O livro é narrado em primeira pessoa,mesmo quando Sorcha tem que ficar sem falar. Passamos a acompanhar somente os pensamentos dela, e as falas de terceiros. Mas isso não torna o livro nem um pouco monótomo.

A autora se inspirou no conto dos seis cisnes para escrever este livro, que é uma fantasia muito bem elaborada, muito bem escrita. Riquíssima em detalhes, e cheia de magia. Pra mim Sorcha foi a protagonista mais forte, mais incrível e apaixonante que eu já li. Com Sorcha eu me emocionei, chorei e sofri e me apaixonei. A escrita da autora consegue ser tão impressionante que eu fico até sem palavras para descrever. Já estou ansiosa para ler os próximos livros da trilogia e torcendo para que a autora não me decepcione e que os outros livros sejam tão maravilhosos quanto esse.

E se você se assustou pelo tamanho, te digo para perder o medo e ir fundo, porque realmente vale a pena!

Até mais!
Adquira o livro

06 julho 2017

[Resenha] O ultimo Adeus,Cynthia Hand


Titulo: O último Adeus
Autor(a): Cynthia Hand

Ano: 2016 
Páginas: 352

Gênero: Romance

Editora: Darkside Books

Sinopse: O Último Adeus é narrado em primeira pessoa por Lex, uma garota de 18 anos que começa a escrever um diário a pedido do seu terapeuta, como forma de conseguir expressar seus sentimentos retraídos. Há apenas sete semanas, Tyler, seu irmão mais novo, cometeu suicídio, e ela não consegue mais se lembrar de como é se sentir feliz. 

O divórcio dos seus pais, as provas para entrar na universidade, os gastos com seu carro velho. Ter que lidar com a rotina mergulhada numa apatia profunda é um desafio diário que ela não tem como evitar. E no meio desse vazio, Lex e sua mãe começam a sentir a presença do irmão. Fantasma, loucura ou apenas a saudade falando alto? Eis uma das grandes questões desse livro apaixonante. 
O Último Adeus é sobre o que vem depois da morte, quando todo mundo parece estar seguindo adiante com sua própria vida, menos você. Lex busca uma forma de lidar com seus sentimentos e tem apenas nós, leitores, como amigos e confidentes.


Oi pessoal tudo bom com vocês? Hoje eu vim fazer a resenha do livro "O ultimo Adeus" de Cinthia Hand que conta a estória de Lex, uma garota de dezoito anos que está tentando conseguir lidar com a morte de seu irmão mais novo Tayler, que se suicidou recentemente. Lex não consegue entender porque o irmão faria algo assim, e ao longo do livro ela tenta lembrar como o irmão estava antes de sua morte, o porque dela não ter percebido que ele precisava da ajuda de alguém. Tayler, deixou apenas um post-it no espelho que dizia:
 "Desculpa mãe,mas eu estava muito vazio".
Além de ter de lidar com a dor da perda, Lex vê sua mãe sofrendo todos os dias pela morte do filho e se afundando nas bebidas. E mesmo sofrendo por tudo que está acontecendo ao seu redor, Lex ainda tem tentar manter suas notas para entrar na tão sonhada faculdade.

O livro é narrado em primeira pessoa e escrito em forma de diário, já que Lex faz terapia e não consegue expressar o que sente, o seu terapeuta sugeriu que ela escrevesse um diário.  Inclusive as letras do livro são todas em azul (como se fosse um diário mesmo, escrito pela Lex). 

Minha opinião final sobre o livro: A escrita da autora é bem leve, tornando a leitura muito fluida. A autora conseguiu desenvolver muito bem a protagonista, que apesar de jovem está do lado da mãe em um momento tão difícil, sentindo que poderia ter feito algo para ajudar e que principalmente poderia talvez até ter evitado que o irmão cometesse suicídio. Este livro nos mostra, o quanto temos que valorizar e cuidar das pessoas que estão ao nosso redor, porque uma pessoa que tem depressão, que tem tendencia ao suicídio nem sempre demonstram isso. Ao longo da leitura conseguimos sentir tudo o que a Lex sente, o quanto uma família pode ficar devastada depois da perda de alguém assim tão jovem quanto Tyler, de uma maneira tão inesperada assim. Eu pensei que apesar do tema este livro não conseguiria arrancar nenhuma lágrima sequer de mim, mas confesso que no final eu não fui forte o bastante. 
É uma leitura muito tocante, e eu recomendo muito a todos! 

Espero que vocês tenham gostado da resenha, e me contem se já leram este livro ou outro com uma premissa parecida, que eu vou adorar saber.  Até  mais!

01 julho 2017

3 Dicas para sair da ressaca literária + Novidade

Dicas para sair da ressaca literária

Oi pessoal tudo bem com vocês? Recentemente criei um canal aqui pro blog, para poder ficar mais perto de vocês! E para inaugurar o canal eu trouxe um vídeo sobre um tema que eu já havia prometido por aqui, que é dicas para sair da chata da resseca literária. Que faz nós leitores sofrermos tanto, em busca de uma saída e podermos voltar a fazer o que nós amamos que é ler! Pensando nisso então, trouxe três dicas que me ajudam sempre que estou de resseca e que pode ajudar vocês também. 

                                                       
    Curta sua Ressaca 
Primeira dica : Eu sei que é clichê,mas curta a sua ressaca literária,dê um tempo a si mesmo nem que seja só por uma semana. Saia com os amigos,assista filmes,séries etc. Fique um tempo sem ler mesmo ( Só não exagere nesse tempo,lembre-se que a leitura é um habito, e assim como outros hábitos você pode perde-lo se ficar muito tempo sem ler)
                                                      
                                            Assista Booktubers/leia blogs literários
Segunda dica: Outra dica muito boa é você assistir booktubers, ou ler blogs literários. Hoje em dia temos várias pessoas falando sobre livros na internet. Grande parte do que eu leio, vejo em blogs, canais no youtube, fan pages e etc. Escolha o que mais lhe agradar,e tem o instagram também, que está cheio de fotos lindas com resenhas de livros. Ler alguma resenha pode te despertar aquele desejo imenso de ler algum livro. E não se sinta culpado, se depois disso você comprar mais um livro mesmo com a estante cheia de não lidos,porque isso pode realmente te ajudar a voltar a ler. Ou você pode procurar por resenha dos livros que você já tem, e assim se lembrará dos motivos que te fez comprar aquele livro 
                                                          
Terceira dica:  Agora que você já colocou em prática a primeira e segunda dica,tenho certeza que já tem algum livro que você está querendo muito ler.Agora é só ler,mas sem pressa. Tente pegar um livro pequeno,de algum autor que você já conhece e gosta da escrita. Vale até reler algum dos seus favoritos.

Espero que tenham gostado das dicas,e me contem o que vocês fazem para sair da ressaca, essas dicas me ajudaram muito e espero que ajude vocês também.
Até mais!