01 outubro 2017

[Resenha] Amityville - Jay Anson

Titulo: Amityville
Autor(a): Jay Anson
Ano: 2016
Páginas: 240
Gênero: Terror
Editora: Darkside
Sinopse: Depois de passar algumas décadas fechada, a propriedade no número 112 da Ocean Avenue no subúrbio de Nova York finalmente abre as portas para os leitores da DarkSide® Books. Cercada pela natureza, com janelas amplas e uma sacada espaçosa, ela poderia ser uma casa de bairro tranquila como todas as outras, não fosse seu passado devastador e sangrento. Em 1975, George e Kathleen Lutz resolveram recomeçar a vida em uma nova residência que compraram por uma pechincha. Vinte e oito dias depois, os cinco membros da família fugiram aterrorizados, deixando a maior parte de seus pertences para trás. Estranhos eventos começaram a acontecer, afetando a vida dos Lutz e indicando que uma presença maligna habitava a casa. Embora tenha sido amplamente divulgada pela mídia, em especial nos jornais e nas revistas da época, muitas vezes de maneira sensacionalista, a história da casa nunca havia sido contada com riqueza de detalhes — até Jay Anson decidir reconstruí-la e transformar seu livro de não-ficção em um dos relatos paranormais mais importantes e conhecidos de todos os tempos.
Baseado nas experiências sobrenaturais reportadas pelos Lutz durante o mês de dezembro de 1975 e o começo de janeiro de 1976, Amityville é um dos livros mais aguardados pelos leitores da Caveirinha. Por isso mesmo, muito mais do que dar apenas aquela demão de tinta, a DarkSide® Books vai fazer uma reforma completa na casa, apresentando a sombria construção em detalhes, do quarto secreto no porão às verdadeiras manchas nas portas e nas paredes escondidas pelas tintas do tempo — tudo exatamente como aconteceu, com todos as entidades e vozes que habitaram o sótão, o porão e demais cômodos da casa —, em uma edição assustadora e com o cuidado quase sobrenatural da editora mais dark do Brasil. Adaptada várias vezes para o cinema e contando também com diversos spin-offs, a história de Amityville hoje é amplamente conhecida e é considerada um dos mais importantes relatos sobre casas mal-assombradas da cultura popular. (Skoob)
               



resenha


Oi pessoal tudo bem com vocês? Eu to com a garganta bem ruim e uma gripe daquelas, mas mesmo assim vim aqui começar nosso mês macabro como prometido.

Então sem enrolação, vamos falar sobre Amityville. Vocês já devem ter visto por ai alguma adaptação deste livro ( que inclusive tem uma na netflix e eu super indico !)

O livro vai contar a história da família da família Lutz  que está a procura de uma nova casa para morar e acabam encontrando a casa perfeita no número 112 da Ocean Avenue. Logo de cara são avisados o porque da casa estar com preço tão bom. Ronald Defeo antigo morador da casa matou seus pais e quatro irmãos com um rifle.

O mais curioso deste assassinato é que os vizinhos alegaram não ter ouvido nenhum barulho suspeito na noite do crime, todos eles foram mortos enquanto dormiam e pasmem : Na mesma posição, de bruços. Em quartos separados e enquanto o crime ocorria quem estava na casa também não ouviu nada, todos foram mortos enquanto dormiam. Ronald Defeo alegou ter ouvido vozes que "mandavam" que ele cometesse então, este crime.

Depois de julgado ele foi sentenciado a cumprir seis prisões perpétuas.

Logo no começo do livro, Jay Anson nos conta que por conta desse crime a família Lutz decide chamar um padre - conhecido da família para benzer a casa. No dia seguinte o padre e a família, começam a sentir algo estranho.

O padre sofre várias consequências por ter ido até a casa, e durante o único mês que a família permanece por lá é chamado várias vezes pelos Lutz para ir até lá novamente. Mas  temendo consequências mais sérias o padre tenta pedir ajuda a outros padres.

Mas não dá tempo, a família passa a sentir presenças estranhas na casa, coisas bizarras começam a acontecer.
Sem querer acreditar no que estava ocorrendo a família - que gastou todas suas economias para adquiri - lá, tenta sem sucesso continuar na casa. Mas vinte e oito dias depois de terem se mudado, aterrorizados saíram da casa as pressas, deixando para trás todos os seus pertences.

Ed e Lorraine warren, foram até a casa onde a clarividente alegou que nada poderia ser feito. O que está naquela casa é poderoso. O caso tem um ponto de vista do casal no primeiro capitulo de Ed e Lorraine Warren : Demonologistas também publicado pela Darkside Books e que terá resenha aqui no blog em breve.

Acreditando ou não no caso, da pra sentir medo várias vezes durante a leitura. Como eu leio de madrugada, qualquer barulho estranho me deixava "de orelhas em pé". Esse é um daqueles livros que a gente lê e depois canta uma música gospel para deixar o clima da nossa casa mais neutro rs.

Nas primeiras páginas do livro temos o mapa da casa, o que permite ao leitor uma experiencia mais real ainda. A leitura é bem fluída, rápida porém muito bem escrita. E preparem-se para sentir um  "medinho básico".


Foto: (Paul Hawthorne/Getty Images)

Esta é uma foto da casa atualmente. Ela foi construída em 1924 por João moynahan. Há boatos também de que em 1997 o morador da casa, tentou matar sua esposa (fato não confirmado). Os Lutz nunca mais retornaram a casa e pediram a Lorraine Warren que pegasse somente a documentação da casa para que conseguissem vende-la novamente.

Depois do acontecido a casa teve vários donos, e os mais recentes se mudaram e atualmente a casa está a venda, por US$850 mil ela pode ser sua. E ai teriam coragem ?

22 comentários:

  1. Coragem nenhuma kkkk morro de medo dessas coisas, mas já ouvi falar muito desse livro, não q tenha coragem de ler pois sou medrosa, ótima resenha.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A melhor parte de ler terror é ficar com um medinho depois mesmo haha
      Obrigada pela Visita
      bjs

      Excluir
  2. Com certeza compraria essa casa e me aventuraria tentando descobrir o que tem lá kkkk
    Que livro ótimo! Embora eu goste mais das histórias inocentes e românticas, não dispenso um bom terror com toques de mistério e suspense. Quero saber o que aconteceu no final de tudo e levar uns sustinhos de vez em quando - faz bem ao coração haha
    Abraços 😊

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Amilton!
      Levar uns sustos as vezes faz bem. Mas eu não teria coragem de comprar esta casa não. Corajoso você rs!

      Excluir
  3. Nossa com certeza eu quero ler esse livro é o tipo de livro que eu adoro ler me prende muito esse tipo de história eu amei

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paula
      Então tenho certeza que você irá adorar. A narrativa prende mesmo!

      Excluir
  4. oiiii! Adorei a temática do livro... pareceu super interessante! Eu confesso pra você que não teria coragem de comprar não! Imagina morar lá! hahahaha não sabia que tinha no Netflix! Vou procurar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi !!
      Pois é também não teria coragem de comprar não.

      Excluir
  5. Ain que medo haha não tenho coragem de ler não! Bem... pensei em ver a adaptação na netflix mas desisti kkkk mas assim, o livro parece ser bem legal, bem escrito, gostei da tua resenha e a foto ficou show! Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suzi!!
      Acho o livro "mais leve" que o filme ;)

      Excluir
  6. Hahaha ja amei esse livro por ele ter terror também,ele eu leio agora assistir já é complicado que falta coragem..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério?
      Tem gente que prefere o filme pra ver antes se vai ter coragem de ler rs!

      Excluir
  7. Jaque só de ver a capa do livro já dá um arrepio de medo, confesso que sou um pouco medrosa de livros e filmes de terror. Essa história é fascinante mesmo, acho que não iria morar nunca nessa casa são muitos mistérios que cercam essa casa. Não sei se seria melhor ler o livro ou ver o filme, Jaque bjs.

    ResponderExcluir
  8. Oi Jaque, tudo bem?

    Como falei, vou adorar acompanhar suas postagens sobre esse mês macabro. Confesso que tenho um pouco de medo de ler livros com esta carga e com apenas a sua resenha me arrepiei dos pés a cabeça várias vezes. Sinceramente, acredito muito em tudo que foi narrado e passaria longe desta casa. Quem será o louca que irá pagar mais de 1 milhão de reais?! Oxe! Adorei a resenha e as curiosidades!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Tá louca..zulivre uma casa dessas...kkkk Menina, que livro é esse? Adoro coisas do gênero embora eu morra de medo! Estava lendo sua resenha e já ficando arrepiada aqui. Vou tentar assistir a adaptação da Netflix, mas por enquanto sem coragem!! Abraços

    ResponderExcluir
  10. Olá!Não teria coragem de entrar nesta casa,imagina morar,sou medrosa mesmo rsrsrs,gostei da sua resenha,senti até calafrios por ficar envolvida com a história,certamente é um livro encantador para os corajosos,sou não rsrsrs,mas entre o livro e o filme prefiro o livro.Sucesso!Bjss

    ResponderExcluir
  11. Assisti apenas o filme antigo, e sou louca pra ler o livro, gosto muito da história e creio que o livro seja mais rico em detalhes!

    ResponderExcluir
  12. Bom dia, como vai? Confesso que eu super amo filmes de terror, mas agora que vi a sua resenha percebi que nunca li nenhum filme de terror, gostei bastante da sua resenha, bem como da indicação desse livro, pois me fez ficar super curiosa

    ResponderExcluir
  13. Por pouco era o número da minha casa! ahahah Bem, histórias de terror deixam-me um pouquinho assim para o impressionada...;) (por isso é melhor nem ver, não é?! :) ) Sendo livro ainda vá que não vá, mas mesmo assim deve valer-me umas boas noites de pesadelos ahahah... Que o resumo está muito bom, lá isso está! ;)
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  14. Oii,
    Eu ja vi um filme dessa história. Realmente é de arrepiar. Amooo kkk.
    Sua resenha ficou incrível. Me deu super vontade de ler. Amei a capa desse livro, é grossa pra me que sou desastrada é ótimo. Kkk

    ResponderExcluir
  15. Sinceramente não sabia que havia um livro sobre essa casa, propriedade. Conheço a história que deu origem ao enredo. Através de filmes e documentários. Sinceramente no momento não o leria, futuramente, é provável. Bexitus!

    ResponderExcluir
  16. Cara, já senti um "medinho básico" só de ler sua resenha hahaha Fiquei com vontade de ler esse livro mas não sei se teria coragem x.x Mas vou adicionar ele na wishlist.

    ps: Achei lindo o banner do blog *-*

    Epílogo em Branco

    ResponderExcluir

Desenvolvimento por: Mariely Abreu | Todos os direitos reservados ©. voltar ao topo