}

21 de jun de 2018

[Resenha] Fale! - Laurie Halse Anderson


Titulo: Fale! 
Autor(a): Laurie Halse Anderson
Ano de publicação: 2013
Número de páginas: 248 
Gênero: Drama 
Editora: Valentina 
Adquira o livro: Amazon ✰ Saraiva ✰ Submarino
Sinopse: “Fale sobre você... Queremos saber o que tem a dizer.” Desde o primeiro momento, quando começou a estudar no colégio Merryweather, Melinda sabia que isso não passava de uma mentira deslavada, uma típica farsa encenada para os calouros. Os poucos amigos que tinha, ela perdeu ou vai perder, acabou isolada e jogada para escanteio. O que não é de admirar, afinal, a garota ligou para a polícia, destruiu a tradicional festinha que os veteranos promovem para comemorar a chegada das férias e, de quebra, mandou vários colegas para a cadeia. E agora ninguém mais quer saber dela, nem ao menos lhe dirigem a palavra (insultos e deboches, sim) ou lhe dedicam alguns minutos de atenção, com duvidosas exceções. Com o passar dos dias, Melinda vai murchando como uma planta sem água e emudece. Está tão só e tão fragilizada que não tem mais forças para reagir.
Finalmente encontra abrigo nas aulas de arte, e será por meio de seu projeto artístico que tentará retomar a vida e enfrentar seus demônios: o que, de fato, ocorreu naquela maldita festa?
Um romance de estreia extraordinário; uma obra-prima vencedora (e finalista) de inúmeros prêmios sobre uma jovem que opta por calar em vez de dizer a verdade. Fale! encantou tanto leitores quanto educadores, alunos e professores. Um romance transformador, corajoso, capaz de fazer refletir sobre temas fundamentais – porém espinhosos como o bullying – do cotidiano dos adolescentes. (Editora Valentina) 


" Sempre que tento conversar com os meus pais ou um professor, balbucio ou congelo. O que tem de errado comigo? É como se eu tivesse algum tipo de laringite espasmódica. "

Olá amores tudo bem? 
Sabe aqueles livros que você enrola para ler, mas quando pega para ler, mesmo que já saiba que é um livro triste, você não desgruda do livro torcendo por um final feliz? Pois é, fale! É um destes livros.




O livro narra a história de Melinda, uma menina que acaba de entrar no ensino médio, mas após ligar para a polícia durante uma festa, que é tradição para os calouros, Melinda acaba ficando sozinha. Ninguém na escola confia nela e joga para ela toda a culpa daquela noite, em que alguns adolescentes até foram presos!
Mas o que ninguém sabe é que houve um motivo muito sério por trás da ligação que ela fez a polícia. A intenção dela, não era estragar a noite, e sim pedir ajuda após algo tão grave ter acontecido com ela. Mas o que aconteceu naquela noite?
Agora Melinda está sozinha. Não tem mais amigos e os únicos que ainda dirigem a palavra a ela, muitas vezes só faz chacota e ofende a garota. E assim Melinda vai se afundando cada dia mais dentro de si, dentro da sua dor. O silêncio é tão grande que passa a tomar cada dia mais a vida de Melinda, nem com os pais ela fala direito mais...
"Concentre-se nesse sentimento. Quando as pessoas não se expressam, vão morrendo aos poucos. Você ficaria chocada se soubesse quantos adultos estão realmente mortos por dentro, vivendo sem ter ideia de quem são, só esperando que um câncer, um infarto ou um caminhão surja e acabe com eles. É a coisa mais triste que conheço"

O livro é narrado em primeira pessoa, e a narrativa flui muito bem. Para mim, a autora conseguiu mais uma vez me fazer sentir como se fosse comigo tudo que aconteceu. Eu já tinha um pouco de noção do que aconteceu com Melinda, e acredito que muita gente que já ouviu falar deste livro deve ter uma ideia também (mas não vou dizer aqui para não dar Spoilers). Mas mesmo assim a leitura foi muito impactante. Melinda é uma personagem que consegue transmitir ao leitor sua dor, uma protagonista que fez com que eu me importasse com ela do início ao fim.
Fale! É um daqueles livros que está aqui, para esfregar na cara de todo mundo que a culpa não é e nunca será da vítima, e que em hipótese nenhuma devemos diminuir a dor de alguém. Se alguém te agrediu, abusou, de alguma forma, fale! Faça o mundo ouvir sua voz, mesmo que alguns duvidem de você, não pare enquanto não houver justiça.

Beijos!

8 comentários:

  1. nunca ouvi flr desse livro , mas me interessei

    ResponderExcluir
  2. Pelo início da sinopse parecia um daqueles livros adolescentes água com açúcar, mas pelo jeito que vc descreveu fiquei muito curiosa pela história.
    Ótima resenha!!

    ResponderExcluir
  3. Nossa, já fiquei nervosa só de ler. É engraçado né, provavelmente aconteceu algo sério demais e ela foi ajudar, e aí as pessoas que só querem saber de zoar fizeram isso com ela... fiquei com vontade de ler pra saber o final dessa história

    ResponderExcluir
  4. Que interessante!
    É uma daquelas historias que nos prendem do início ao fim pelo visto !
    Fiquei curiosa para lerr
    Amei a resenha bjs

    ResponderExcluir
  5. Nossa, tenho algumas suposições sobre o que houve com melinda, será? Se for isso, ela fez o certo em ligar pra polícia. De início ateme empolguei, mas como você disse que é um livro triste, já nansei se quero ler ele, fiquei na dúvida 🤣❣️

    ResponderExcluir
  6. Pela sua resenha deve ser um livro que aborda muito o que acontece atualmente. As pessoas julgam certas atitudes sem saber o real motivo. E em suas ignorancias acabam agindo com julgamentos e indiferenças aumentando mais a dor.Parece ser um livro muito bom mesmo. A história de Melinda deve ser bem empática.

    ResponderExcluir
  7. ultimamente nao estou curtindo muito livros infato-juvenis, porém, sigo indicando-os pois sei que normalmente eles trazem uma mensagem bem importante
    confesso que nao é um livro que leria, mas certamente indicaria para quem pedir um livro nessa temática, ja que gostei da sua resenha

    ResponderExcluir
  8. Mesmo sendo um livro triste já fiquei com vontade de ler esse livro, esse parece ser daqueles que realmente vale a pena ser lido

    ResponderExcluir