29/11/2018

[Resenha] Outros jeitos de usar a boca - Rupi Kaur

| | 10 comentários

Titulo original: Milk and Honey
Autora: Rupi Kaur
Ano de publicação: 2017
Número de páginas: 272
Gênero: Poesia
Editora: Planeta
Skoob: Adicione
Adquira o livro: Amazon  Submarino  Livraria da travessa
Sinopse: Outros jeitos de usar a boca é um livro de poemas sobre a sobrevivência, o amor, o sexo, o abuso, o trauma, a perda e a feminilidade. O volume é dividido em quatro partes, e cada uma delas serve a um propósito diferente. Lida com uma dor diferente. Cura uma mágoa diferente. Outros jeitos de usar a boca transporta o leitor por uma jornada pelos momentos mais amargos da vida e encontra uma maneira de tirar delicadeza deles. Publicado inicialmente de forma independente por Rupi Kaur, poeta, artista plástica e performer canadense nascida na índia – e que também assina as ilustrações presentes neste volume –, o livro se tornou o maior fenômeno do gênero nos últimos anos nos Estados Unidos, com mais de 1 milhão de exemplares impressos.




Eu já conhecia alguns poemas da autora Rupi Kaur antes do livro Outros jeitos de usar a boca ser publicado aqui no Brasil pela editora Planeta, pois o que a autora escreve em seus poemas fala muito com o público feminino e todos os problemas e dificuldades que nos inflige.

Neste livro temos uma coletânea de poemas da autora, que talvez você já tenha lido alguns trechos pela internet assim como eu. E sinceramente foi uma leitura que me impactou e mexeu comigo. São poemas que trabalham temas importantes como amor próprio, abuso sexual e psicológicos, relacionamento, sororidade e luta.

“toda vez que você
diz pra sua filha
que grita com ela
por amor
você a ensina a confundir
raiva com carinho
o que parece uma boa ideia
até que ela cresce
confiando em homens violentos
porque eles são tão parecidos
com você"


De um jeito sensível, cheio de empatia e força a autora dividiu o livro em quatro partes: a dor, o amor, a ruptura e a cura. É impossível não se ver em pelo menos alguns dos poemas escrito pela autora, que são totalmente voltados para os problemas femininos.

“quero pedir desculpa a todas as mulheres
que descrevi como bonitas
antes de dizer inteligentes ou corajosas
fico triste por ter falado como se
algo tão simples como aquilo que nasceu com você
fosse seu maior orgulho quando seu
espírito já despedaçou montanhas
de agora em diante vou dizer coisas como
você é forte ou você é incrível
não porque eu não te ache bonita
mas porque você é muito mais do que isso”


Eu poderia ficar aqui até amanhã citando vários motivos pelo quais você deveria ler este livro, independente do gênero é indiscutível toda a mensagem que a autora traz neste livro de forma tão crua e sensível. Foi uma leitura rápida para mim, mas que não deixou de ser impactante e em vários momentos eu parei durante a leitura para refletir o quanto tudo descrito pela autora (que pode ter sido de maneira um pouco pessoal) também reflete a vida de todas as mulheres do mundo.

Outros jeitos de usar a boca é um livro que trabalha com a cura daquelas feridas que mais dó. É a escrita em forma de luta e sobrevivência feminina. Um livro que entrou para os melhores que li este ano e que sempre terá um espaço especial no meu coração.


Beijos!