15/01/2019

[Resenha] Perigo mortal (Jogos mortais - Livro 1) - Ann Aguirre

| |
Titulo original: Mortal Danger
Autora: Ann Aguirre
Número de páginas: 368
Editora: Fantástica Rocco
Gênero: Fantasia
Adicione: Goodreads  skoob
Adquira o livro: Amazon  Americanas.com  Submarino

Sinopse: Edie Kramer vive infeliz no colégio: extremamente inteligente, ela vive sendo humilhada pelos colegas por não ser bonita o suficiente. Continuar na escola passa a ser um sofrimento maior do que ela consegue enfrentar. Em cima de uma ponte, instantes antes de se suicidar, Edie conhece Kian, que a convence de que ela tem o poder de fazer com que as pessoas paguem por sua crueldade. O acordo é: três favores para Edie em troca de três favores à empresa para a qual Kian trabalha. Mas o pacto leva a jovem a um mundo de segredos e demônios, onde o preço da vingança se mostra maior do que esperado, alto demais a se pagar. Primeiro de uma trilogia, Perigo mortal combina ciência, terror e romance numa trama assustadoramente eletrizante.

Edie Kramer sempre sofreu em silêncio com a crueldade dos outros alunos do colégio e com a indiferença dos pais. Uma vida triste e solitária, até a hora em que decidiu terminar com tudo. Mas o encontro com o enigmático Kian mudou a vida de Edie para sempre. Um pacto faustiano deu à jovem o poder para se vingar dos seus algozes.

E após as férias de verão, a jovem está de volta a Blackbriar, mudada, melhorada e com planos para derrubar a turma popular, a Galera Blindada. Mas um sussurro aqui, um olhar ali e coisas ruins começam a acontecer, como numa bola de neve, uma peça pequena, um trote simples e o que seria somente uma divertida e satisfatória vingança passa a ser algo sem controle e muito assustador. Logo Edie percebe que o preço a pagar pelos desejos é alto, muito mais alto do que o imaginado.

Edith acredita que não tem mais motivos para viver. Ela sofre bullying na escola e é constantemente humilhada por seus colegas de classe. As pessoas que Edie nomeia de “galera blindada”, são pessoas populares que a fazem sofrer, e por isso ela pensa em se matar se jogando de uma ponte. Mas prestes a fazer isso, um garoto chamado Kian aparece e diz que pode mudar a vida de Edie para sempre. 

Kian diz para Edie que ela teria direito a lhe fazer três pedidos, mas estes três pedidos deverão ser pagos ao chefe de Kian. Acreditando que não teria nada a perder, Edie aceita e seu primeiro pedido é ficar bonita. Sendo assim, para que ninguém desconfiasse de sua mudança repentina e rápida de aparência, ela viaja para um “programa de ciências de verão” e lá começa a se acostumar com sua nova aparência e fazer novos amigos.

Tudo parece incrível, mas ao voltar para casa Edie começa a se questionar sobre quem seria o chefe de Kian, e o fato de não saber quase nada sobre ele ou sobre quem ele trabalha, começa a incomodar ela. E mesmo determinada a se vingar da “galera blindada” da escola, as coisas começam a sair dos limites.


Edie é uma protagonista que me surpreendeu bastante. Narrado em primeira pessoa sob o ponto de vista dela, pude perceber que apesar do meu medo que ela se tornasse uma péssima pessoa após a mudança de aparência, isso não aconteceu. E foi um dos maiores motivos que me fizeram ficar presa a esta trama. Já Kian é um personagem que traz um pouco de romance, daqueles que nos deixam com um sorriso bobo no rosto.

A trama mostra também como o bullying pode afetar a vida de uma pessoa. No início da trama, Edie conta um pouco sobre tudo que sofreu e como isso levou uma garota tão inteligente e com uma vida inteira pela frente a cogitar o suicídio, por causa de pessoas tão vazias e incapazes de aceitar o que é diferente.

Perigo mortal é uma fantasia com toques sobrenaturais envolvente com personagens cativantes. Foi um livro que eu simplesmente devorei e não vejo a hora de ler as continuações (que ainda não saiu). Mesmo que eu esteja cheia de trilogias e séries para terminar, fico feliz que tenha dado uma chance a mais uma trilogia haha.

Beijos!

17 comentários:

  1. Parece ser muito bonito esse livro. Dá vontade de comprar e dar pra minhas amigas que sofrem com bullying também e já tentaram suicídio. Sua resenha saiu muito boa, me deixou muito curiosa.

    Jardim de Palavras

    ResponderExcluir
  2. Olá! Que bom que a aparência não fez a personagem se torna uma pessoa ruim. É bom quando um livro traz um tema forte para ser refletido, como o bullying. Bom que o livro te envolveu e tenha gostado. Beijos'

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso foi um grande acerto da autora! Geralmente, em alguns histórias assim, o protagonista vira uma pessoa ruim, pior do que aquelas que fizeram mal e neste livro isso não acontece!

      Excluir
  3. Olá Jaque,
    Apesar do enredo ter uma pegada interessante e da história ter me deixado curiosa, porque você não revelou muita coisa na sua resenha, o livro não faz muito o meu estilo favorito de histórias. Talvez quando eu estiver disposta a sair da minha zona de conforto eu dê uma chance.
    Que bom que você está ansiosa pela continuação, é muito bom quando uma série nos conquista lgo de cara.
    Bjs
    Amanda Nery
    www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Amanda! Te entendo, fica na listinha, espero que possa ler um dia.
      Obrigada!

      Excluir
  4. Olá, tudo bem? Eu gosto muito de realizar a leitura de livros que falem sobre bullying justamente, porque eu sofri muito com isso na infância/adolescência e, espero que a literatura ajude muitas pessoas a superarem esses traumas, assim, como me ajudou. Mesmo assim, não concordo com a história central do livro, onde a personagem é levada a fazer maldades para se vingar das pessoas que a magoaram, no final isso não leva a lugar nenhum e, não da aos jovens que sofrem bullying nenhuma lição importante.

    Beijos e Abraços Vivi
    Resenhas da Viviane

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, mas no decorrer da leitura a personagem nos mostra que não é uma pessoa que se deixa levar por vingança. Por isso vale a pena!

      Excluir
  5. Eu adoro livros sobrenaturais e adoro fantasia, tendo os dois num livro só é lógico que eu ia ficar curiosa hahaha
    Eu ainda não conhecia o livro e curti bastante a premissa dele, a sua resenha me mostrou uma trama que eu acredito que vai me agradar bastante.

    ResponderExcluir
  6. Oii, tudo bem?

    Nossa, que capa maravilhosa, e a história parece ser incrível. Amo livros de fantasia e coisas sobrenaturais.
    Os temas tratados na trama são muito relevantes, espero que sejam abordados da forma correta.

    Obrigada por compartilhar!!
    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
  7. Oi tudo bem?
    Não me empolguei com a leitura, pois a premissa é pouco criativa sendo idêntica a uns dois filmes de terror já existentes, até um pouco antiguinhos.
    beijoos

    ResponderExcluir
  8. Oi!
    Gosto de livros que abordam esse tema e gostei muito da proposta deles e dos personagens também. Como adoro histórias com toques sobrenaturais, sinto que preciso ler esse livro e que tenho grandes chances de gostar desse livro.
    Beijos,
    @umoceanodehistorias_

    ResponderExcluir
  9. Olá,
    Se fosse só pela capa eu jamais saberia que este é um livro de fantasia. Pensei que era thriller ou algo assim... enfim, pela sinopse a fantasia parece ser algo secundário, o que deve ser bom para conhecer mais a personagem.

    Debyh
    Eu Insisto

    ResponderExcluir
  10. Oi Jaque, sua linda, tudo bem?
    Nunca iria imaginar que com esse título e essa capa teríamos um livro falando sobre Bullying e suas consequências. Já me deixou curiosa sobre esse chefe, ainda mais depois que citou que o livro tem toques de sobrenatural. Vou colocar na lista. Gostei muito da sua resenha.
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bem Jaque?

    Parabéns pela resenha, ficou muito boa e a foto ficou linda. Eu não conhecia o livro e achei interessante tratar sobre o bullying. Realmente fiquei curioso com a leitura e jamais poderia imaginar que esse livro com essa capa poderia tratar desse tema.
    Abraço!

    ResponderExcluir
  12. Não duvido que você tenha devorado, só de ler a sinopse e depois sua resenha já quis fazer o mesmo. Não conhecia o livro e já coloquei na minha lista
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  13. Não conhecia Perigo mortal e parece ser bem tenso, no sentido positivo da coisa, tipo, prende o leitor e dá angústia, ao menos foi a sensação que me deu imaginando a história por sua resenha. Gostei.

    ResponderExcluir